Youtube: 3 truques que ninguém te conta!
Tecnologia: o lado bom, que ninguém vê
3 lugares para conhecer no estado de SP
pessoal category image Pessoal
Esgotada
6 de setembro de 2014

tired

Você ja se sentiu cansado de tudo? Esgotado fisica e mentalmente? Sem rumo e sem achar um sentido pra tudo o que você está vivendo? Como se você não tivesse futuro…

Estou cansada de más notícias e de reviravoltas ruins na minha vida… Vem uma atrás da outra, como se eu fosse um pedestre tentando atravessar a linha do trem, mas o trem chegou primeiro… E ele é longo… E quando eu penso que está acabando lá vem mais um vagão… E mais outro… E outro… E outro…

Esses dias eu estava conversando com um amigo sobre exposição na internet… Ele me disse pra ter cuidado com o que posto, com as notícias que eu dou sobre a minha vida, porque “a inveja tem facebook”… Eu sei que tem, sei muito bem que, se tem uma coisa que a internet nos privou foi da privacidade… Desde a época do msn, orkut e agora muito mais com o facebook, as pessoas estão cada vez mais expostas e vulneráveis… Não há mais segredos, se você não conta, alguém vai contar, na maioria das vezes sem más intenções, mas nada mais fica guardado… Pra quem está na tão falada “blogosfera”, ou mais atual ainda: na “vlogosfera”, é mil vezes maior esse nível de exposição…E eu estou nesse “mundo” há mais de 10 anos! Não que eu ache que meu blog tenha um alcance muito grande e que todo mundo me conheça (graças a Deus não é assim!), mas talvez eu me exponha um pouco mais, ou pelo menos há mais tempo, que pessoas “normais”… (Sim, blogueiro é tudo louco! hahahaha)

Só que tem um porém: o blog sempre serviu pra mim como uma terapia, sério! Pelo fato do alcance do meu blog ser pequeno eu nunca tive problemas com o que eu “exponho” aqui… Prefiro mil vezes postar algo que eu sei que vai ficar pra sempre aqui no blog do que no face, por exemplo… Pra quem me conhece faz tempo (dentro da blogosfera) deve ter notado que faz uns anos, pra ser mais exata desde que eu fui pra Portugal, que eu estou com um certo bloqueio pras postagens… Elas eram bem mais frequentes e melhor estruturadas antes de eu viajar e infelizmente esse “sumiço” não tem nada a ver com desinteresse pelo blog, mudança de planos na vida e nem mesmo com falta de tempo. Eu amo meu blog e dou muito valor a ele, tanto que eu o PAGO desde 2005. Várias vezes eu pensei: “devo parar de pagar? Devo deixar pra lá?” Mas a resposta sempre foi: “não! Eu amo meu blog!”. Então por que eu não voltei a me dedicar a ele? A postar bem e constantemente?

Bom, primeiro porque a blogosfera mudou muito e eu ainda gosto de blog estilo diário sabe? Pra contar meu dia, minhas angústias, minhas alegrias, meus gostos… E não blogs que parecem revistas virtuais… Na minha opinião pra isso existem as… Revistas virtuais!!! Hahahaha E segundo porque me falta algo… Desde que eu fui pra Portugal eu perdi algo e ainda não sei o que é… E quando paro pra tentar me encontrar… Pra tentar atravessa essa linha… Lá vem mais um vagão do trem e me faz ficar parada.

Parada… Eu estou indo ao psicólogo faz uns 4 meses e essa é uma palavra que eu repito muito lá… Ele me pergunta o porquê de eu falar tanto isso, mas eu não sei… Não sei e estou cansada de procurar respostas… Cansada… É mais uma palavra que eu venho repetindo muito.

Hoje eu estava pensando na vida… E tentando fazer uma comparação dela a uma montanha russa… Estava pensando sobre passado, presente e futuro… Em altos e baixos e no friozinho na barriga que dá quando temos que enfrentar algo novo, algo ruim, algo que dá medo…

Eu sei que o passado é algo que não podemos mudar… Dizem por aí que não existe nada impossível… Eu discordo! Afinal de contas, tudo o que está no passado é impossível de ser mudado! Sabe quando a gente se enche de “e se…?”? E se eu não tivesse terminado com fulano? E se eu não tivesse ido pra tal lugar? E se eu fizesse outro curso?… Eu sou a rainha dos “e se”, mas decidi tentar muito parar com isso… O passado é o passado e gostando ou não das minhas decisões tenho que lidar com elas, elas já foram tomadas e agora é impossível mudá-las… Mas o presente e o futuro não… No presente e no futuro TUDO é possível… Porque enquanto não vira passado, ainda podemos mudar, escolher, planejar…

Parei um pouco de me preocupar com o futuro… Na verdade acho que parei demais de me preocupar com o futuro… Quem me acompanha sabe que eu era uma menina sonhadora e planejadora e que, depois de algumas perdas bem marcantes, uma em especial, eu dei uma parada com isso e comecei a viver simplesmente esperando o tempo passar.

Mas deixei a vida me guiar por tempo demais… E isso não é muito legal, porque perdi o controle dela… Perdi a direção e fiquei com medo de dirigir (literal e metafóricamente… Minha moto tá parada há tanto tempo que nem liga mais!)

Pra quem tá passando por algo parecido (espero que ninguém!) fica uma mensagem que eu li hoje no facebook e que me tocou muito:

tempo

Pois é… O tempo vai passar você querendo ou não, então que tal deixar ele passar enquanto você corre atrás? Sabe aquela frase clichê que diz que “quem nunca tentou nunca vai falhar, mas com certeza aquele que conseguiu foi porque tentou”?… Então… É mais ou menos isso mesmo… Mais vale morrer na praia do que deixar um tubarão te devorar, na praia você tem muito mais chances de ser salvo a tempo…

Voltando a montanha russa… A vida é uma montanha russa… Muito mais que uma roda gigante… Porque a montanha russa vai além do sobe e desce… Você nunca sabe a velocidade da queda, ou o tamanho dela, dá medo, muito medo, mas você sabe que depois você volta a subir, devagarinho, algumas vezes chega logo no topo, outras vezes a queda foi tão grande que parece demorar uma eternidade pra subir de novo, mas você sobe. É só ter paciência… E uma queda te ensina a ser mais tolerante a próxima, o medo não vai embora, mas ele diminui. Na montanha russa, se você fecha os olhos é pior. Porque o quando a gente não vê a gente não tem noção do tamanho da queda, podendo passar muito mais medo do que deveria, mas quando abrimos os olhos conseguimos nos preparar e muitas vezes até nos divertir durante a queda!

Alguns gritam, outros paralisam… Alguns até vomitam hahahaha Mas todo mundo passa pelas quedas e pelas subidas. O essencial é aproveitar o passeio da melhor forma, afinal de contas pra subir na montanha russa foi preciso coragem! E mais: uma hora o brinquedo vai parar, dá até pra gente tentar prever, mas é impossível saber exatamente quando ele vai parar… E depois que ele para também não dá pra saber se vamos poder subir nele de novo. Pelo menos ninguém nunca voltou pra contar. Assim é a vida.

Eu digo sim: estou exausta. Meu passado tem me machucado muito, decisões erradíssimas foram tomadas, mas sei que é impossível mudar isso. E eu estou viva, estou subindo e descendo na montanha russa e se tem uma coisa que eu não pretendo fazer é pular do brinquedo antes do fim.

Ainda vai demorar pra eu recuperar muita coisa. Está tudo uma bagunça e ainda tenho 3 batalhas complicadíssimas pra travar. Três coisas que tem tirado meu sono, consumido minha energia e me feito mal… Muito mal.

Mas está na hora de reaprender a dirigir, pra poder enfim terminar essa queda e voltar a subir, devagarinho… Sabendo que haverão outras quedas, mas caindo de olhos abertos daqui pra frente!

 

Obrigada por todo apoio, carinho e conforto que o blog me dá, que vocês me dão por ler meu blog… Obrigada, de verdade… E desculpe por todos os desapontamentos…

E que se dane a exposição. Tô aqui pra isso e se eu não contar minha vida serei esquecida assim que descer do brinquedo. E eu sou narcisista e não quero isso…

Share

Post por: K-Chan Nhayök




7 Comentários em “Esgotada”


Ohara 27-07-2015

A, concordo em número, gênero e gral com você. eu não te conheço a muitooooo tempo, mais me recordo quando cheguei e abri a porta, entrei, vi o antigo
lay, vi esse blog estava meio abandonado&essas coisas o engraçado só a gente entende&me cinto compatível, e muito! com esse texto. quando te conheci
esse blog só tinha postagem desde abril hahaha. mais eu li os posts antigos, e da pra ver que muita coisa mudou, eu sou daquelas que percebem as
coisas de cara&eu sou daquelas pessoas que morrem de medo de decepcionar as pessoas, sabe? ha e acho que por isso também, estou &esgotada e exausta&
ninguém sabe pq eu sou uma pessoa que morre de vergonha de sair contando as coisas por ae&acho só vc que sabe agora! hahaha eu morro de vontade de
reviver varios momentos do passado&&e esquecer vários&minha vida ta uma bagunça&eu to num trabalho que ta muito estreçante, to morrendo de vontade de
me mudar de cidade e sair da barra da saia da mãe mais não tenho coragem: o que me deixa mais fula da vida ainda: o dilema se vou me mudar pra capital
da Bahia ou se vou me mandar pro interior de sp pra uma cidade vizinha da sua: o que eu não sabia até pouco tempo: é sério! haha então são 8 batalhas
pra travar&mais tudo esta melhorando aqui na sua &casa virtual&que venho diariamente vizitar&rsrs.vamos la, mundo blogueiro e vamo para de fica
contando coisa da minha vida aqui: em 2009/2010 vc chegou a ter varios comentadores, hj em dia muita gente deve lê e não falar nada quando passa por

| Responder
Ohara 27-07-2015

rs o limite de caracteres novamente! kkkkkk como eu ia continuando&quando passam por aqui&sim, concordo totalmente, a vida é uma montanha ruça, a
história da vida da praia também conta&a minha vida é feita de teorias e filosofias&rs e dane-se a esposição, se vc não gostace disso nem tinha esse
blog mais, eu não saberia quem era aquela profa. de idiomas, você não saberia quem era a retardada pensando em fazer facul de ciências contábeis e
virar contadora&e agora tem essa mais: essa do zenfone que estragou e entrou uma batalha no procon, sê sabe né? eu tô acompanhando a saga desde o
início&eu estou cansada de coisas ruins tb, reviravoltas, e a historia do trem tambem vale pra mim! hahaha vou te deixar um texto aqui, entra e leia
http://www.i-relevante.blogspot.com/2010/06/sobre-nao-sofrer.html
E a promessa dos posts ta dando certo, foram 3 semanas com a ideia ae ainda em pé&vamos ver se essa semana vai por agua a baixo, mais eu creio que
não! haha.
Kissus!

| Responder
K-Chan Nhayök 27-07-2015

obrigada pela força! é mto bom entrar aqui e ler seus comentarios! <3

Eu to levando a serio essa coisa de postar 3x por semana hahaha ta sendo bom pra mim! 🙂
E realmente, acho que o blog me trouxe e ainda me traz coisas e pessoas lindas pra minha vida!

beijao e obrigada por tudo! 😀

| Responder
K-Chan Nhayök 27-07-2015

ah, eu li o texto e amei! é bem isso mesmo… as pessoas acham que nao devemos sofrer, mas é impossivel, por isso temos que aprender a conviver bem com o sofrimento… fazer dele aprendizado!

| Responder
Ohara 27-07-2015

Fico feliz que vc gosta dos meus comments!
kkk Eu nunca tinha contado tanta coisa da minha vida pra ninguem, nao sei se foi pela tematica do post, sei la porque&
Kissus!

| Responder
K-Chan Nhayök 28-07-2015

hahahahahaha que bom q vc se sente a vontade pra contar aqui!

beeeijo <3

| Responder
Ohara 29-08-2015

Fazendo um updat do primeiro comment: graças a deus eu me demiti do trabalho, e eu aproveito o momento pra dizer que por causa da minha
vontade louca de sair da casa dos pais, mais a coragem ainda me falta, eu morro de vergonha de ta na casa dos pais ainda com essa idade não sei porque
raios, infelismente por conta disso eu sempre falo pra todo mundo que eu moro com aamigas ou sozinha mesmo, ainda não seii porque uso essas desculpas.
E outra que eu não sei ate quando eu estarei me sentindo esgotada,. kkk olha esses links de comparação de “a vida e tipo isso” kkkk tipo algo parecido
li ontem https://pontodalira.wordpress.com/2015/08/23/inspiracao-do-dia-roda-gigante/
E eu achando que era uma trabalheira colar links do wordpress.com hahaha.
Sobre o que eu dice acima: não que eu goste de mentiras, é mais por vergonha mesmo, por mim as pessoas nem me perguntariam.
Kissuus!
O engraçado é que o link do blog que coloquei ali em cima o blog foi um dos primeiros que comecei a acompanhar, hoje em dia pouco o leio porque
descobri muito blog legal, hahah.

| Responder

Comentar






*Para que sua foto apareça aqui é necessário que você tenha uma conta no Gravatar.
*Sem spam e sem xingamentos nos comentários.